quinta-feira, 25 de novembro de 2010

Vencendo o espírito devorador

O espírito devorador tem atuado nos dias de hoje, através de perdas materiais, sentimentais e familiares.
Quando uma pessoa não tem aliança com Deus, ela está sujeita ao espírito devorador .
O espírito devorador pode atuar no interior ou no exterior da pessoa.
Uma das ações do espírito devorador é agir colocando um vício, por exemplo  o vício do álcool , a pessoa trabalha o mês inteiro , e quando recebe gasta o seu salário com coisas que não são : pão e leite.
O que acontece ? 
A pessoa recebe o seu salário , passa pelo bar perto de sua casa, e lá fica até o bar fechar.
Enquanto na sua casa a esposa o fica esperando, revoltada pela miséria começa ofende-lo .
Quando ele chaga em casa embriagado , mau chega no portão, já começa a discussão.
O espírito devorador que atua nele passa atuar nos demais.
Há casos em que a pessoa viciada perde o emprego, e se torna morador de rua.
Esse espírito é uma praga , normalmente ele começa agindo na vida familiar ou sentimental, depois na vida financeira.
Isso é só um exemplo de muitos casos os quais escreverei em outro dia.
Só está livre do espírito devorador quem tem uma aliança com Deus de fato e de verdade.
Ter uma aliança com Deus é coloca-lo em primeiro em sua vida, não é só crer com a boca, e sim com atitudes de fé.
Para vencer o espírito devorador , Deus instituiu o dízimo e a oferta; o dízimo representa a consideração para com Deus, quem tem respeito por Deus é dizimista  fiel.
A oferta representa o amor, quem ama a obra de Deus é ofertante.
Deus disse:
Trazei todos os dízimos à casa do Tesouro, para que haja mantimento na minha casa; e provai-me nisto, diz o SENHOR dos Exércitos, se eu não vos abrir as janelas do céu e não derramar sobre vós bênção sem medida.
 Por vossa causa, repreenderei o devorador, para que não vos consuma o fruto da terra; a vossa vide no campo não será estéril, diz o SENHOR dos Exércitos.
Malaquias 3:10,11
www.ro7carlos.blogspot.com

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postar um comentário